Blog

NVIDIA: De games a computação de Inteligência Artificial

10 de julho de 2018 - Inovação -

A invenção da GPU pela NVIDIA em 1999 provocou o crescimento do mercado de jogos para PCs, redefiniu a computação gráfica moderna e revolucionou a computação paralela. Mais recentemente, a aprendizagem profunda via GPU abriu caminho para a Inteligência Artificial moderna – a próxima era da computação – com a GPU atuando como o cérebro dos computadores, robôs e carros autônomos que percebem e entendem o mundo.

A fabricante californiana de GPUs (placas de vídeo) e de tecnologia, foi apontada pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology) como a empresa mais inovadora do mundo por sua inovação em campos de Inteligência Artificial e Deep Learning (Aprendizagem Profunda).
A revolução do PC colocou um computador em todas as casas. A era móvel colocou um computador em todos os bolsos. A nuvem transformou todos os dispositivos móveis em um supercomputador. A era da IA colocará inteligência em trilhões de dispositivos de computação e será a maior oportunidade que a indústria já conheceu. A IA estimulará uma onda de progresso social inigualável desde a revolução industrial.

Aprender com os dados é como a IA evolui. A computação de GPU capacita a computação necessária para redes neurais profundas aprenderem a reconhecer padrões a partir de grandes quantidades de dados. Este novo modo de computação provocou a era da IA.

Inteligência Artificial, Machine Learning e Deep Learning

Inteligência artificial é o termo que engloba as máquinas capazes de realizar diversos tipos de tarefas. Como o próprio nome sugere, elas são inteligentes porque conseguem evoluir e se auto desenvolver com o tempo.

Machine Learning é o ato de programar as máquinas para que elas consigam aprender. Por meio de algoritmos, elas compilam dados, atribuem significados às informações e conseguem realizar previsões e gerar “insights” sobre basicamente qualquer assunto.

Deep Learning é a criação de uma rede neural artificial que permite à máquina uma semelhança cognitiva com o cérebro humano a fim de interpretar e interligar dados. Reconhecimento facial e tradução em tempo real são algumas de suas aplicações.

Todas essas tecnologias oferecem recursos que podem modificar completamente a forma com que resolvemos os maiores problemas do mundo, desde a produção de alimentos capaz de atender a todo o mundo até a medicina com pesquisas para descobrir a cura para o câncer.

Parceria Clear Inovação e NVIDIA

A Clear Inovação tem o prazer de anunciar uma parceria com a NVIDIA –  empresa líder em computação de Inteligência Artificial.

Com a parceria, a NVIDIA vai colaborar com a Clear Inovação em ajudar as empresas a inovarem adotando novas técnicas de computação tais como Inteligência Artificial, Machine Learning e Deep Learning, tornado-as mais competitivas aos níveis do mercado global.

Como uma das primeiras ações da parceria no Brasil, a Clear receberá os executivos da NVIDIA em Florianópolis, onde será realizado o primeiro Roadshow NVIDIA Clear.

Referências:
http://www.nvidia.com.br/
https://olhardigital.com.br/alem_da_infra/noticia/as-diferencas-entre-inteligencia-artificial-machine-learning-e-deep-learning/72678
0 Comentários
Faça um comentário

Deixe uma resposta